domingo, 27 de janeiro de 2013

Preces aos Dizimistas

  1. Por todos os nossos dizimistas e benfeitores, para que sempre possam, através de sua fiel contribuição do dízimo e da oferta generosa, manifestar a Deus a sua gratidão por todos os benefícios recebidos.
  2. Pelas nossas famílias dizimistas, para que obtenham sempre de Deus a certeza de que a sua opção pelo dízimo como forma de retribuição, é uma fonte de força evangelizadora para toda Igreja.
  3. Pelos nossos benfeitores e dizimistas, para que sempre expressem a generosidade que o próprio Deus lhes inspira no coração através da prática fiel do dizimo e das ofertas.
  4. Pelos dizimistas e benfeitores de nossa comunidade, que generosamente procuram sustentá-la em sua missão de evangelizar, para que sejam sempre poderosamente abençoados por Deus em suas vidas e em suas famílias.
  5. Para que o vosso amor fortifique nossa voz para que possamos através da doação de nossos serviços e do dízimo que ofertamos humildemente, sermos vossos profetas hoje.
  6. Para que nós dizimistas tocados pela luz do Espírito, tenhamos a mente aberta para compreender as necessidades da nossa comunidade.
  7. Para que nós dizimistas, sejamos abençoados em nossa missão e não desanimamos diante aos sofrimentos e dificuldades.
  8. Por todos dizimistas falecidos, para que recebam na eternidade a recompensa de seus sacrifícios na terra.
  9. Que o dízimo seja assumido pelos fiéis como compromisso de vida, como expressão de Fé e o desejo de aprofundar-se na experiência de Deus.
  10. Por nossas necessidades pessoais, que o dízimo nos eduque para a prosperidade, para a benção e para pedirmos a Deus o suficiente para vivermos dignamente como seus filhos.
  11. Por todas as famílias dizimistas, que sejam sempre unidade e partilhem tudo entre si.
  12. Por nossa Igreja, para que seja sempre o exemplo vivo de doação, de amor ao próximo.
  13. Pelos nossos dizimistas que generosamente contribuem todos os meses, para que nunca se deixem vencer pelo espírito de competição, privilégios, ou cobranças, mas que sinta no gesto de contribuir, a expressão mais forte de Cristo, que por amor serve, reparte e se doa.
  14. Para que assumamos o dízimo como princípio de fidelidade a Deus, à Igreja e aos irmãos excluídos da sociedade.
  15. Por aqueles que vivem fechados em seu egoísmo, para que se abram à solidariedade e à partilha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário